CONSERVE SUA TRILHA

    

1. Nunca cavar um buraco para saída da água dos atoleiros... junto com a água, vai junto a terra e o buraco fica cada vez maior, formando enormes erosões que no final serão intransponíveis pelos jipes, e certamente destruirão a mata em volta

2. Nunca cortar arvores na trilha. Procurar sempre um caminho alternativo quando houver uma arvore impedindo a passagem, a não ser que esta arvore já esteja caída. Usar sempre cinta ao ancorar em uma arvore e nunca passar correntes ou cabos de aço para efetuar uma ancoragem.

3. Não acelerar em demasia nos atoleiros. Toda aquela lama que a gente joga pra cima na verdade está saindo do buraco, aumentando ainda mais o tamanho dele e provocando o mesmo problema do item 1

4. Nunca jogar galhos, tocos, pedras ou qualquer outra coisa nos atoleiros. Além de não servir de calço para a viatura passar, ainda são perigosos para as partes baixas de nosso queridos jipes (acho que essa dica não é essencialmente ecológica :o)

5. Ao entrar na trilha, seguir sempre pelo caminho já feito. Se ele for difícil, usar guincho ou cinta de reboque. Ao criar um "atalho" criamos também novas erosões, o que vai deteriorando a trilha cada vez mais.

Desculpem por qualquer eventual falha técnica nas recomendações acima.

Abraços com as trilhas preservadas, atoleiros sempre divertidos... a natureza agradece, e as crianças também !


            

VOLTA AO INÍCIO DESTA PÁGINA                                         VOLTA A PÁGINA DE DICAS